EUROPA EM 90 DIAS

EUROPA EM 90 DIAS

No dia 20 de Julho, nosso colaborador Rafael Bridi embarcou em mais uma viagem ao desconhecido. O alvo dessa vez seria a Europa onde o atleta de highline pretende ficar por 3 meses. “É mais do que uma viagem para praticar slackline e suas variantes, é uma busca pelo desconhecido, por novos desafios. É um processo de emancipação das nossas comodidades mundanas” diz Rafa.

A viagem não tem um roteiro muito definido, visa a naturalidade e não algo extremamente regrado. Ela iniciou com sua chegada em Berlin, centro cultural mundial, seguindo para a Polônia. Na cidade de Lublin, Polônia é onde inicia o circuito de festivais. O primeiro deles, o maior do segmento na atualidade, vem para sua sexta edição com uma estimativa de 300 atletas e um público de mais de 10.000 pessoas. “Neste festival participarei como atleta convidado, presente em apresentações e programações especiais do evento. Além disso, lançarei o filme Dialética do Equilíbrio, produzido em parceria com Rodrigo Ferrari e Felipe Queriquelli. Após esse lançamento o vídeo vai estar disponível para compras na internet“.

Rafa nos conta que “neste período do festival estarei acompanhado do meu grande amigo e fotógrafo Pedro, que também embarca para a Europa em busca de sua jornada. Além dele, vai se juntar a nós o Luigi, um garoto com um talento muito grande no slack e que vai participar do seu primeiro grande evento do esporte. Compartilhar esses momentos com pessoas tão especiais, torna a viagem ainda mais interessante e me deixa extremamente feliz“.

Já para esse mês de Agosto, a sua “programação” será continuar a se hospedar na casa de outros praticantes, vivendo a cultura local e a “rotina” das suas práticas. O deslocamento é todo baseado em caronas, aumentando ainda mais o seu contato com as pessoas, e dessa forma, procurando eternizar momentos, cultivar amizades e viver com sabedoria. É uma viagem do estilo de vida que valoriza as pessoas e suas belezas.

 

Os festivais só retornam no início do mês de Setembro. Um tem caráter itinerante pelos alpes da Suíça, com duração de 5 dias, buscando os mais lindos lagos e rios. “Ainda nessa região montanhosa vou seguir para a Itália, mais precisamente ao Monte Piana e sua cadeia de montanhas. Ficarei ali até o dia 15 de setembro, e de lá começa mais um grande período de viagens seguindo meu instinto“.

 

Além de toda a experiência de vida, também estarei buscando conhecimentos para aprimorar minhas técnicas no esporte. Conviver com pessoas que praticam slackline por muitos anos, será muito enriquecedor. Pretendo produzir muitos materiais para compartilhar com a comunidade de praticantes do Brasil. A ideia é produzir uma grande quantidade de fotos e conteúdo escrito, parte deles estará sendo postado aqui, e outra parte em meu site e em meu instagram. Quero compartilhar as experiências e um pouco da energia através dessas notícias, e dedicar algumas exclusivamente a parte técnica do esporte. Serão muitos dias fazendo o que eu mais gosto, carregando comigo um pouco das pessoas, através do brilho característico que cada um carrega consigo.”

 

“Viajo, não para fugir da vida, mas para que a vida não fuja de mim.”
Rafael Bridi, 2014